sexta-feira, 14 de outubro de 2016

14/10/16 14:27 “GESTÃO DE RISCOS DE DESASTRES DEVIDO A FENÔMENOS GEODINÂMICOS NO ESTADO DE SÃO PAULO: CENÁRIO 2000-2015” Boletim do Instituto Geológico nº 67 já está disponível para download

Capa do Boletim do IG n.º 67

Esta publicação apresenta os Indicadores de Riscos de Desastres devido a fenômenos geodinâmicos que representam importantes parâmetros de medição da situação desses riscos no Estado de São Paulo e sobre as formas e instrumentos de enfrentamento. Desde 2009 o Instituto Geológico iniciou o trabalho de coleta de dados e de informações sobre o tema, o qual vem sendo desenvolvido e aperfeiçoado, permitindo a construção de cenários.

Os levantamentos e análises realizadas têm subsidiado políticas públicas de gestão de riscos do Estado, em especial o Programa Estadual de Prevenção de Desastres Naturais e de Redução de Riscos Geológicos – PDN (Decreto Estadual Nº 57.512, DE 11/11/2011), que se serviu destes estudos para a elaboração do “Plano de Trabalho de curto e médio prazo (2012-2020)”, traçando diretrizes a serem seguidas pelos órgãos executivos estaduais. Os indicadores têm contribuído também para diversas políticas públicas junto à Secretaria de Estado de Meio Ambiente, inclusive compondo o Relatório de Qualidade Ambiental, publicado anualmente, e que atende às obrigações de comunicação estadual previstas na Política Estadual de Mudanças Climáticas – PEMC.

A avaliação sistemática de indicadores e de cenários de risco é uma atividade essencial para subsidiar ações voltadas para diminuir a vulnerabilidade ambiental e aumentar a resiliência do Estado de São Paulo frente a fenômenos geodinâmicos, em particular considerando-se a questão das mudanças climáticas. Dessa forma, espera-se estar contribuindo para que os agentes públicos, a população e a sociedade como um todo, possam conhecer, acessar e incorporar as informações técnicas em seu cotidiano, de maneira a se conseguir que o uso dos recursos naturais e a ocupação dos espaços territoriais ocorram com maior segurança e de forma ambientalmente sustentável.

A publicação completa, em versão pdf, pode ser acessada para download CLICANDO AQUI

Fonte: www.igeologico.sp.gov.br